In Portuguese, to be translated soon

ENTREVISTA COM SATURNIA
Saturnia é uma banda portuguesa, muito próxima do Space Rock, contando no seu seio com Luís Simões, guitarrista e sitarista (também membro dos Blasted Mechanism). Concederam-nos esta entrevista.

P: Quando começaram os Saturnia e quem faz parte do “line- up” da banda?
Saturnia começou em 1996, desde então fizemos 3 albums, nenhum deles com edição Portuguesa, tivemos algumas  mudanças de formação até 2000, ano em que a formação estabilizou até hoje, os Saturnia são Eu próprio na guitarra, sitar, canto, lap steel, theremin, gongo e sequenciador e Francisco Rebelo no orgão, sintetizador, gongo e sequenciador.

P: Até agora, quantos discos já lançaram os Saturnia?
Temos três albums: “Saturnia”, “The Glitter odd” e “Hydrophonic Gardening”
P: Há quem considere o som dos Saturnia um pouco próximo dos Hawkwind, a famosa banda inglesa, que chegou a ter Lemmy (dos Motorhead) entre os seus membros. Isto até pode ser considerado um grande elogio. Há influências vindas daí, ou nem por isso?
Sim há, toda a cena psicadelica, progressiva e de space rock inglesa dos anos 60 e 70 é uma forte influencia no nosso som, portanto bandas como Hawkwind, Pink Floyd, Nektar, bem como bandas alemãs como Tangerine Dream ou Ash Ra Tempel tem muito a ver com a musica de Saturnia
No entanto o nosso som tem outros elementos como por exemplo a musica clássica indiana, a musica electrónica e até compositores contemporâneos como Luigi Nono.

P: Os Saturnia têm actuado muito, ao vivo, em Portugal?
Os Saturnia são essencialmente um projecto de discos, portanto as nossas aparições ao vivo são, voluntariamente, raras.
Aquilo que quero desenvolver artisticamente não pode ser feito num ambiente de concerto apesar de ser um ambiente grato para nós, trata-se de uma opção de carreira.
P: Das bandas portuguesas presentes ou passadas, quais são aquelas que os Saturnia elegem como grandes referências?
Muitas mas talvez as mais significativas para min sejam Tantra, Quarteto 1111, Filarmónica Fraude, Banda do Casaco e Salada de Frutas.

P: Quais são os projectos dos Saturnia, a curto prazo?
Os projectos de Saturnia são terminar o nosso próximo álbum, fazer alguns concertos e seguir para outro álbum, e assim por diante.

P: Das novas bandas que vão surgindo, quais são aquelas que acham que têm originalidade ou que poderão vir a ser conhecidas do grande público?
Acho que as novas bandas que tenho visto não buscam a originalidade e propositadamente se entregam aos clichés pré-formatados da industria da musica na esperança de “conseguirem”.
Isto só espelha aquilo que, para min, é a cultura Portuguesa nestes dias que correm, e traduz bem o complexo de inferioridade, falta de auto estima e superficialidade que abundam em todos os níveis da nossa sociedade.

Nova Guarda Aristides Duarte